05.01.2017
Juquitiba
Homem é sugado por redemoinho e morre afogado em cachoeira
compartilhe
Da Redação do Portal O Taboanense

Ademir Oliveira de Souza, de 36 anos, foi mais uma vítima da traiçoeira cachoeira do 72, em Juquitiba. Ele brincava no local, na última terça-feira, dia 3, com familiares quando foi sugado por um redemoinho formado ao lado da queda d’água e acabou morrendo afogado. Seu corpo só foi localizado no dia seguinte.

O local já foi interditado pela prefeitura de Juquitiba no ano passado, mas os banhistas não respeitaram as placas avisando do perigo do local. O número de casos fatais aumenta no verão, quando as pessoas buscam se refrescar. Segundo o Corpo de Bombeiros, mais de 80 vítimas já morreram no local.

Bombeiros foram até o local procurar o corpo da vítima; no local já morrerram mais de 80 pessoas | Reprodução / Jornal Agora é Sério

Em Juquitiba o local foi apelidado de Cachoeira da Morte. Em entrevista ao jornal Agora é Sério, o pai da vítima, Nilson Raimundo de Souza, disse que o filho sabia nadar.  “Eu não estava no momento, mas me falaram que ele sumiu ali perto daquelas pedras. Ele não me obedecia, não adianta nada eu falar. Ele teimava e ia”, lamentou.

O local, uma área particular, o que dificulta a fiscalização por parte da prefeitura da cidade. No ano passado, o então coordenador da Defesa Civil de Juquitiba, Marcos Ramos, em entrevista ao jornal Agora é Sério, falou sobre o perigo que os banhistas correm. “Essa área está embargada, as pessoas tiraram as faixas que interditavam o local e invadiram o terreno, que é particular”.


Com informações de www.jornalagoraeserio.com.br

comentários
Seja o primeiro a comentar
deixe seu comentário
Aviso aos navegantes: os comentários são parte fundamental de qualquer site. Com eles, os internautas podem ampliar o debate, complementar as notícias publicadas e tecer críticas e elogios. Por isso não queremos transformar esse espaço em palanque, nem contra e nem a favor. Nós não publicamos comentários com palavrões ou agressões gratuitas, comentários fora do assunto ou com auto-propaganda ou propaganda de terceiros. O Portal O Taboanense reserva-se o direito de, independentemente de qualquer aviso ao autor, EXCLUIR qualquer comentário que, a seu exclusivo critério, considere ofensivo ao seu pessoal ou a qualquer terceiro, bem como a bloquear o acesso de qualquer usuário ao espaço de comentários, caso julgue necessário. Os comentários aqui publicados são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal O Taboanense. Os autores dos comentários são civil e criminalmente responsáveis por publicar qualquer conteúdo que viole a lei (incluindo crimes contra a honra, ameaça, preconceito e discriminação).
Por favor aguarde, enviando comentário.
Comentário enviado com sucesso. Obrigado.
oferecimento
  • publicidade
    Firme junto ao povo